Como assumir a responsabilidade pelo seu sucesso?

Quem nunca ouviu a famosa quota: “Você é o único responsável pelo seu sucesso”?!

E ai, você vai lá, traça as metas, se planeja, começa a agir e… Parece que não sai do lugar! E bate aquele desespero. Ora, se eu sou o único responsável pelo meu sucesso, também sou o responsável pelo meu fracasso! Será que o sucesso não é para todos? O que eu fiz de errado?

Hoje, eu gostaria de convidá-los a pensar um pouco sobre RESPONSABILIDADE. Qual a sua porcentagem de responsabilidade em atingir seus objetivos?

Provavelmente, se você tem um perfil mais empreendedor, responderá: 100%! Depende só de mim! E eis aqui o pulo do gato. Será mesmo que depende só de você?

Somos seres naturalmente sociais que vivemos em comunidade. Dependemos uns dos outros. Afetamos uns aos outros. Dessa forma, fica muito difícil – para não dizer impossível – que você tenha um objetivo que não afete ou não seja influenciado por alguém ou alguma coisa.

Calma! Antes que você fique bravo comigo, eu vou me explicar.

Isso fica bem visível quando se trata de metas corporativas ou de equipes. Mas e as metas pessoais? Como pode depender de outra pessoa?

Vamos supor que a sua meta seja emagrecer. Você me diria: está em minhas mãos, porque sou eu quem precisa comer direito e fazer exercícios. Ok. Mas, e se a pessoa que prepara sua comida faz fritura todos os dias? E se seu personal não estiver te passando o treino adequado? E se seu metabolismo não estiver funcionando adequadamente? Todos esses fatores não afetam diretamente seu resultado?

O que eu estou propondo aqui é um busca pelos “pontos cegos” que a afirmação de que “depende só de mim” pode gerar. Se você partir desse princípio, pode ser que algum aspecto importante passe despercebido. Esses “pontos” podem ser desde um membro da sua equipe, alguém da sua família, ou até mesmo o mercado, a economia e a crise.

Uma vez enxergado esses pontos, você se torna capaz de agir ativamente neles de maneira a aumentar as suas chances de sucesso. Ainda no exemplo do regime, você pode solicitar à pessoa que cozinha para diminuir a frequência de frituras, ou você pode comer fora. Você pode trocar de personal ou apontar as falhas do treinamento. Você pode ira até o médico e verificar as possibilidades de melhorias no seu metabolismo. Tudo isso aumenta a sua chance de sucesso.

E aqui é importante apontar para mais uma armadilha. Atuar de maneira a influenciar as pessoas e o ambiente para que aumente suas chances de sucesso não significa pegar a responsabilidade dos outros para você! É preciso dar a oportunidade para as pessoas se desenvolverem. A idéia é que você consiga criar ações estratégicas em direção ao seu objetivo.

Então, não depende de mim? Sinto dizer, mas depende sim, e provavelmente, em grande parte. E por essa parte pela qual você é responsável, 100% está em suas mãos! Precisa ser realizado. E sobre a outra parcela… bom, agora você já sabe o que fazer!

E esse papo vai longe! Se você quer saber mais, participe do nosso hangout online gratuito, hoje das 16h às 16h30. Eu e o Caio Rosa, coaches da Due Coaching & Consultoria vamos falar um pouco mais sobre protagonismo e sucesso! Para participar, basta clicar aqui.capa_hangout_puzzleyou

O hangout é uma prévia do Workshop Puzzle You: Desperte o Protagonismo em Sua Vida, que vai acontecer no dia 16 de março, às 19h, no Look Up – Lab de Criação. Acesse o link para saber mais: https://www.facebook.com/events/514277245419497/.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *